Telefone / Fax: (51) 3339.1811 sbdrs@sbdrs.org.br

Objetivo é conscientizar a população sobre os riscos existentes na prática de diversos tipos de procedimentos na área da dermatologia que estão sendo feitos por profissionais não-médicos

A Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS (SBD-RS) deu início a mais uma campanha de orientação para a população. A intenção é esclarecer a sociedade sobre os cuidados necessários na busca por diversos tipos de procedimentos que, hoje, estão sendo feitos por uma série de profissionais que não são médicos e não possuem a devida qualificação para tal. Entre os mais comuns que causam complicações e que estão sendo feitas por não médicos na área da dermatologia estão peeling, preenchimentos, toxina botulínica e laser, entre outros. As complicações oriundas desses procedimentos feitos por não médicos são cada vez mais recorrentes nos consultórios de dermatologistas.

O trabalho foi desenvolvido pela Agência SPR, sob coordenação do diretor-executivo da SPR, Juliano Hennemann. A responsável pela elaboração da campanha, Jéssica Moraes, explica conceitos que foram trabalhados nas peças

– Queremos alertar a população para os riscos que a desinformação pode trazer. Ao fazer um procedimento com um profissional que não é médico, podem passar despercebidas uma série de doenças na pele. Precisamos dizer aos pacientes que o resultado vai ser sentido na pele. Por isso a campanha traz uma mensagem emocional porque, de fato, sentiremos na pele os efeitos de nossas escolhas – explicou.

As mídias escolhidas foram anúncios publicitários em veículos de comunicação, redes sociais, outdoor e busdoor.

 

Divi WordPress Theme